Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 29 DE ABRIL DE 2016

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  29/04/2016   Mudanças no estatuto da Petrobrás são aprovadas por 67% dos acionistas - Entre as alterações, está a autorização para contratar executivo...     29/04/2016   A importância do rumo - O que poderá consolidar a percepção de previsibilidade é a adoção de uma política macroeconômica consistente e di...     29/04/2016   Petrobrás poderá gastar até R$ 28 mi para remunerar executivos - Valor é cerca de 40% superior ao previsto no último ano, mesmo com a ree...     29/04/2016   Ambientalistas criticam PEC do licenciamento - Proposta aprovada em comissão do Senado permite a realização de obras sem licenciamento am...     29/04/2016   Presidente da Mercedes faz críticas ao governo - Para Philipp Schiemer, crise do País vem de políticas inadequadas, mas ‘pode ser resolvi...     29/04/2016   Consumidor de energia elétrica pode ter de cobrir rombo de R$ 6 bilhões - Aneel tem sido alvo de liminares que travam o pagamento do fund...     29/04/2016   Abengoa deve criar gargalo na transmissão - Atraso em obras da empresa pode gerar problemas para o sistema elétrico até 2020.     29/04/2016   Liquigás pode ser vendida por até R$ 1,5 bi - Itaú BBA, que está coordenando o processo, deverá receber propostas por ativo da Petrobrás ...     29/04/2016   Anatomia do desastre fiscal - Nos três anos de grande ajuste fiscal, a despesa real caiu exatamente 3%.     29/04/2016   O clima não espera, mas falta-nos urgência - Há poucos dias a ONU divulgou que 175 países já haviam ratificado o Acordo de Paris, adotado...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

25/01/2006

Quarterização - O processo que melhora a administração de custos e a qualificação dos colaboradores

Artigos / Entrevistas

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

4,99

10 votos

O processo que melhora a qualidade para voltar-se totalmente à sua atividade-fim.

A transferência de serviços para terceiros especializados atualmente é vital para a competitividade e sobrevivência das organizações. Neste cenário também é indispensável a criação de sistemas integrados para a gestão da terceirização. Note-se que não estamos falando em gerenciamento de contratos, mas sim, de uma efetiva gestão da terceirização que se viabiliza com a contratação de um gestor externo especialista. Este é um procedimento conhecido no mundo empresarial como quarterização, e que está vivendo um momento de franca expansão.

Falo de expansão em um cenário com duas leituras. Se por um lado ela está sendo praticada cada vez mais de uma maneira intensiva pelas corporações, por outro está sendo perigosamente arrasada por profissionais que, por desconhecimento de seu manejo técnico-gerencial ou até mesmo interesse parasitário, estão calcando a administração dos terceiros na pura e algoz redução de preços dos contratos, gerando passivo para seus clientes e denegrindo a imagem do instituto.

Cada vez que um arauto da quarteirização abre a boca para anunciar suas vantagens, pode ter certeza de que ficará centrado na redução de custos baseada em menores preços praticados pelos fornecedores. Quando isso acontece, fico preocupado com a espécie de imagem que estes "especialistas" estão difundindo de forma caricata.

Afinal, quarterizar não é sinônimo de redução de preços. A quarteirização deverá ser utilizada para administrar custo - e não apenas valor monetário da terceirização; melhorar e qualificar a performance de contratação da área de suprimentos e estabelecer, de forma segura, um proceso de controle e qualificação contínua da relação com os fornecedores.

Como o preço já não é mais definido por quem vende, e sim por quem compra, o sistema de gestão obrigatoriamente deverá envolver, em sua rede de excelências, especialistas com amplo domínio técnico dos serviços contratados, pois não é possível pensar no tripé produtividade / qualidade / eficiência operacional sem considerar os agentes do ambiente produtivo. Supor que quarterizar significa contratar uma empresa para simplesmente barganhar os melhores preços, sem qualquer comprometimento com os demais conceitos da cadeia de valores, representa uma visão extremamente limitada do modelo; prática, aliás, que tem sido perigosamente difundida por aqueles que têm uma compreensão perversa do atual modelo gerencial.

O fundamental é habilitar a área de compras, reestruturando os setores de suprimentos para que esses capacitem seus parceiros de forma a entregar os serviços na quantidade, freqüência e padrão de qualidade necessária, dentro dos níveis de preço considerados justos e comprometidos com o orçamento. Portanto, é indispensável investir no treinamento permanente dos terceiros e no acompanhamento constante da relação, fazendo ajustes preventivos e corretivos de desempenho técnico / operacional, garantindo os aspectos legais da contratação, bem como a preservação econômica do negócio pela ausência de passivo tributário, fiscal e trabalhista.

Portanto, recomendo desconfiar daqueles que apregoam a quarteirização como um sistema de barganha por preços, já que esse modelo, indiretamente, gera passivo e morte da parceria e da terceirização.

A verdadeira quarterização é um instrumento eficaz que consegue estabelecer entre contratante e fornecedor uma relação por simbiose, de forma que haja cumplicidade de motivação, entendimento e resultados, investindo-se em tecnologia do conhecimento e aumentando-se a média de faturamento por empregado pela profissionalização gerencial do negócio. Terceirizar não é abandonar a atividade. Com efeito, o gerenciamento profissional através da quarteirização é o modelo adequado para as empresas serem competitivas sem perder qualidade.

Clique e veja o quadro de vantagens

 
 

Por Saratt

 

Qual a sua avaliação?

5 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Recomendar   Imprimir

Clique para ampliar

Leia Também

A importância do rumo

Anatomia do desastre fiscal

O clima não espera, mas falta-nos urgência

A Eletrobrás tem solução?

Nem só de pão...

Mudanças no estatuto da Petrobrás são aprovadas por 67% dos acionistas

Petrobrás poderá gastar até R$ 28 mi para remunerar executivos

Ambientalistas criticam PEC do licenciamento

Presidente da Mercedes faz críticas ao governo

Consumidor de energia elétrica pode ter de cobrir rombo de R$ 6 bilhões

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Federasul

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística