Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 21 DE JULHO DE 2017

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  20/07/2017   Santos e seus acessos ferroviários - Não basta ter um porto com terminais modernos e bem equipados. É preciso garantir a chegada da carga...     20/07/2017   Obras para adequação de desvio exigem sistema “Pare e Siga” do km 262+100 ao 265 da SP-225 - Intervenções acontecem nesta sexta-feira e s...     20/07/2017   Restauração da ERS-155 avança no Noroeste do RS - Obras executadas pela secretária e Daer facilitarão transporte da produção agrícola da ...     20/07/2017   CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Valinhos - A CCR AutoBAn, por meio do Instituto C...     20/07/2017   CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Santa Bárbara D"Oeste - A CCR AutoBAn, por meio d...     20/07/2017   CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Vinhedo - A CCR AutoBAn, por meio do Instituto CC...     20/07/2017   CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Nova Odessa - A CCR AutoBAn, por meio do Institut...     20/07/2017   CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Recanto dos Velhinhos, de Valinhos - A CCR AutoBAn, por meio do Instituto CCR, ent...     20/07/2017   CCR MSVia entrega peças arrecadadas na Campanha do Agasalho 2017 - Na última semana a CCR MSVia começou a entrega das peças coletadas por...     20/07/2017   DNIT/RS alerta para bloqueio na BR-116/RS em Esteio, no domingo (23/07) - A Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraes...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

17/07/2017

Petrobrás passou a ser a empresa de petróleo mais endividada do mundo, alerta OMC

Empresas

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

Os escândalos de corrupção na Petrobrás e sua política de preços levaram a estatal brasileira a ser a empresa de petróleo mais endividada do mundo. A constatação faz parte do informe produzido pela OMC e que avalia a situação da política comercial do Brasil.

“Depois que durante anos a empresa se utilizou de generosa renda como instrumento de política social, desde 2016 a Petrobrás corta gastos e vende ativos, além de ter enfrentando um grande escândalo de corrupção”, apontou o informe.

“A empresa, que tem uma dívida de cerca de US$ 125 bilhões, tem a previsão de que sua produção seja reduzida a 2,1 milhões de barris por dia, ainda que espere alcançar 2,7 milhões em 2020”, apontou. “Os fatos que ocorreram no país, em combinação com um contexto de preços baixo de petróleo, contribuíram para que a Petrobrás passasse de obter lucros para sofrer grandes perdas entre 2014 e 2015”, disse.

Um dos responsáveis por essa dívida teria sido a política de preços da Petrobrás. A empresa, de acordo com a OMC, foi “cobrindo a diferença entre os preços do mercado mundial e o preço nacional (de combustíveis)”. “Essa política custou à empresa bilhões de dólares e contribuiu para convertê-la na empresa petroleira mais endividada do mundo”, constatou a OMC.

De acordo com o informe, a “política parece ter provocado nos últimos anos uma perda nas vendas de petróleo de cerca de R$ 60 bilhões (US$ 17,4 bilhões)”.

A OMC admite que, em 2016, a estatal anunciou uma nova política para determinar os preços da gasolina e diesel nas refinarias. “De acordo com a nova política, os preços de petróleo se atualizam a cada mês, sobre a base das variações dos preços internacionais, da taxa de juros, as margens de transporte e condições do mercado nacional, além de não se permitir que caiam abaixo da paridade internacional”, completou.

Fonte: O Estado de S.Paulo

 

Por O Estado de São Paulo - SP

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Consórcio para o primeiro carro

Do aprendiz ao funcionário de longa data, Cargolift oferece oportunidades de ensino e crescimento profissional

Italiana Gavio quer elevar o controle na Ecorodovias

Thermo King® enfatiza necessidade de regulamentação em todos os segmentos do transporte refrigerado na cadeia do frio

Scania fecha primeiro semestre com crescimento em todos os seguimentos

Santos e seus acessos ferroviários

Obras para adequação de desvio exigem sistema “Pare e Siga” do km 262+100 ao 265 da SP-225

Restauração da ERS-155 avança no Noroeste do RS

CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Valinhos

CCR AutoBAn entrega doações da Campanha do Agasalho ao Fundo Social de Solidariedade de Santa Bárbara D"Oeste

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística